Masterpass – Faça o negócio crescer com transações simples 

Masterpass é uma carteira digital que foi desenvolvida para atender os seus clientes que buscam por simplicidade.

Anúncios

Isso porque dá para usar qualquer cartão, em qualquer estabelecimento e em qualquer dispositivo, sem que seja necessário adicionar informações de pagamento ou envio.

Prossiga a leitura e conheça as demais vantagens desta carteira e como é possível usá-la para fortalecer o vínculo com os consumidores da sua empresa.

Vantagens Masterpass

Em primeiro lugar, entenda que esta carteira tem um design intuitivo e responsivo.

Portanto, uma experiência de checkout consistente em qualquer dispositivo, é garantida.

Anúncios

Outro ponto interessante seria o aumento nas conversões.

Tendo em vista que esta solução garante maior simplicidade aos clientes, automaticamente eles deixam de abandonar o carrinho de compras e decidem pela compra.

Além disso, saiba que a solução é segura porque as informações estão protegidas com múltiplas camadas de autenticação em nível de cartão e carteira.

E conforme a pesquisa de estudo geral online, de 2015, os consumidores preferem fortemente os serviços de pagamento de uma marca confiável.

O nome da carteira Masterpass, logo nos remete a bandeira Mastercard que é usada em diversos locais do mundo.

Ou seja, provavelmente o cliente já tem um cartão desta bandeira e acredita ser ela uma marca confiável.

Por outro lado, saiba que dá para escolher entre o checkout padrão ou o checkout expresso para fornecer a experiência de compra que seus clientes desejam.

Na segunda opção, o consumidor conta com a possibilidade de finalizar a compra com um único clique.

Em outras palavras, esta carteira digital é uma alternativa customizável.

A fácil configuração é outro ponto positivo porque basta se cadastrar e integrar para começar os testes de sandbox em minutos.

Enfim, lembre-se de que também é uma opção totalmente integrada.

Portanto, todos os detalhes do cartão são passados através de você, então você não precisa mudar o processo de transação.

Assim, o Masterpass pode ser usado em seu site ou aplicativo. Tudo para simplificar a sua vida e a do cliente.

Guia para usar a carteira digital em seu negócio

O primeiro passo é de conexão, por isso, é preciso criar uma conta de desenvolvedor.

Dessa forma, clique no botão acima e informe seu e-mail, assim como, crie a senha.

Também é importante indicar o primeiro e último nome, nome da empresa, país e tipo de empresa.

Concorde com os termos e condições, tal como, permita que a empresa entre em contato para enviar novidades sobre a carteira digital.

Após criar, você deverá validar a conta por meio do link que é enviado ao seu e-mail.

Assim, chegará ao segundo passo do Masterpass que é o de análise, em que é preciso solicitar acesso (se necessário).

Isso porque APIs com ícones de cadeado requerem permissão para visualizar a documentação e desenvolver um projeto.

Sendo assim, é fundamental submeter um formulário de pedido de acesso e aguardar a confirmação aprovando ou negando o acesso.

Tal confirmação é enviada por e-mail.

Inclusive, aqui é importante revisar os recursos oferecidos na aba para desenvolvedores, como as páginas de visão geral da API, documentação técnica e os artigos de suporte.

Demais passos

Em terceiro lugar, chegamos ao passo de criar um projeto no Masterpass e baixar as chaves do sandbox depois de ter encontrado a API certa para você.

Portanto, na página “meus projetos”, selecione as API(s) que pretende usar, dê um nome ao projeto e convide membros como colaboradores.

Em seguida, salve suas credenciais de chave sandbox, revise o ReadMe.txt no arquivo zip do sandbox e comece o teste.

Nesse sentido, há o quarto passo, o de integrar.

Aqui, há duas alternativas, sendo que a primeira é a de gerar o próprio cliente API.

Para isso, navegue até a página de documentação da APO e baixe a especificação da API (OpenAPI ou Swagger).

Assim como, gere e configure um cliente API para esta API, e configure seu cliente usando as bibliotecas de cliente.

Como segunda opção, dá para usar os SDKs fornecidos.

Dessa forma, vá até a página de documentação da API do Masterpass, seguido da seção de “referência do SDK”.

Defina a linguagem de codificação e use os trechos de código e exemplos fornecidos.

Sendo assim, após testar sua implementação nos ambientes sandbox, chegou o momento de passar para a produção.

Para isso, siga o seguinte passo a passo:

  • Dentro do seu projeto, toque em “solicitar acesso à produção”;
  • Digite seu alias de chave e senha do Keystone, além de salvar seu alias de chave e senha para referência futura;
  • Faça upload de um CSR existente (opcional);
  • Confirme e baixe suas chaves de produção.

Em casos de dúvidas, visite o site do Masterpass.