Quais são os principais tipos de empréstimos disponíveis?

A princípio, uma grande parte de nossos sonhos e conquistas necessitam de dinheiro para serem realizadas.

Anúncios

Entretanto, justamente o dinheiro ou crédito acaba sendo o empecilho entre o seu objetivo, por isso, a maioria das pessoas opta por fazer um empréstimo. 

Nesse sentido, há vários tipos de empréstimos, pensando nisso você vai ver nesse artigo quais são os principais tipos de empréstimos disponíveis no mercado.

O que é um empréstimo?

O empréstimo consiste em uma operação financeira em que o interessado recebe um valor de uma instituição financeira, como bancos ou fintechs.

Dessa forma, essa quantia, chamada de capital, precisa ser devolvida no futuro, geralmente com juros e outras taxas.

Anúncios

Por exemplo, o contrato: o tomador e a credora firmam um contrato que define os termos do empréstimo, como:

  • Valor: quantia de dinheiro emprestada;
  • Prazo: tempo para devolver o valor total;
  • Juros: taxa cobrada pelo uso do dinheiro, geralmente calculada em porcentagem anual do capital;
  • Formas de pagamento: parcelas fixas ou variáveis, com ou sem amortização mensal;
  • Garantias: bens que podem ser penhorados caso o tomador não cumpra com suas obrigações.

Principais tipos de empréstimos disponíveis: entenda suas opções

Quando se trata de financiar um sonho, cobrir uma emergência ou investir em um projeto, entender os principais tipos de empréstimos disponíveis.

É essencial para tomar decisões financeiras inteligentes. 

Cada tipo de empréstimo possui características únicas, taxas de juros variadas e condições específicas que podem se alinhar melhor às suas necessidades e capacidade de pagamento. 

Observe aqui, os principais tipos de empréstimos e suas particularidades:

Empréstimo Pessoal

O empréstimo pessoal é uma das formas mais comuns de crédito. 

Nesse sentido, ele é flexível e geralmente sem exigência de garantia.

Ele pode ser utilizado para diversas finalidades, como quitar dívidas, reformar a casa ou fazer uma viagem. 

Sua principal vantagem é a rapidez e simplicidade na aprovação, tornando-se uma opção acessível para quem precisa de dinheiro rapidamente.

No entanto, essa flexibilidade tem um preço, as taxas de juros dos empréstimos pessoais tendem a ser mais altas comparadas a outros tipos de empréstimos.

Inclusive, principalmente porque não há garantias envolvidas. 

Isso significa que, apesar de ser mais fácil de obter, o custo do crédito pode ser elevado, especialmente se o tomador não tiver um bom histórico de crédito.

Outro ponto a considerar para esse, que é uma dos principais tipos de empréstimos, é a diversidade de prazos de pagamento disponíveis. 

Enquanto alguns empréstimos pessoais oferecem prazos curtos, outros podem permitir amortizações mais longas, embora isso geralmente resulte em maiores custos totais devido aos juros acumulados.

Empréstimo Consignado

Para quem busca taxas de juros mais baixas, o empréstimo consignado pode ser uma excelente alternativa. 

Neste tipo de empréstimo, as parcelas são descontadas diretamente do salário ou benefício previdenciário do tomador. 

Dessa forma, isso reduz o risco para o banco, que oferece condições mais vantajosas em troca da garantia de pagamento.

O público-alvo principal do empréstimo consignado são os trabalhadores com carteira assinada, servidores públicos e aposentados. 

Em suma, essa modalidade é especialmente popular entre aposentados do INSS, devido à facilidade de contratação e às condições favoráveis. 

Porém, é importante observar o limite de comprometimento da renda, que geralmente não pode ultrapassar 30% do salário ou benefício.

Mesmo com taxas mais atrativas, o empréstimo consignado exige cautela. 

A segurança proporcionada pelo desconto em folha pode levar a um excesso de confiança e endividamento. 

Além disso, em caso de perda de emprego, o saldo devedor pode ser antecipado, gerando um problema financeiro adicional. 

Por isso, o planejamento e responsabilidade são essenciais ao optar por esse tipo de crédito, que é um dos principais tipos de empréstimos.

Empréstimo Imobiliário

Imagem: Canva

O empréstimo imobiliário, ou financiamento habitacional, é a escolha ideal para quem deseja comprar um imóvel. 

Desse modo, com prazos longos que podem chegar a 30 anos, e taxas de juros mais baixas em comparação a outros tipos de empréstimo.

Essa modalidade permite que muitas pessoas realizem o sonho da casa própria.

O processo de obtenção de um empréstimo imobiliário é mais complexo e demorado, exigindo uma série de documentações e comprovações de renda. 

Além disso, o imóvel adquirido serve como garantia do empréstimo, o que significa que, em caso de inadimplência, o banco pode tomar posse do bem. 

Essa segurança para a instituição financeira é o que permite a oferta de condições mais favoráveis ao cliente.

Ainda assim, é importante considerar todos os custos envolvidos, além da prestação mensal, como seguros obrigatórios e taxas administrativas. 

Assim, fazer simulações e comparar ofertas entre diferentes bancos é fundamental para garantir que o financiamento se encaixe no orçamento.

Empréstimo para Veículos

Esse é um dos principais tipos de empréstimos, quando o objetivo é adquirir um carro, o empréstimo para veículos é a modalidade mais indicada. 

Dessa maneira, com prazos de pagamento que variam de 12 a 60 meses, e o próprio veículo servindo como garantia, as instituições financeiras podem oferecer juros mais baixos do que em empréstimos pessoais.

No entanto, é crucial estar atento às condições do contrato. 

Além dos juros, é comum a cobrança de taxas adicionais, como as de administração e de registro do contrato. 

O valor final do financiamento pode ser significativamente maior do que o preço à vista do veículo, especialmente se o prazo for longo.

Outro ponto relevante é a depreciação do bem. 

Os carros perdem valor rapidamente, o que pode fazer com que o saldo devedor do financiamento supere o valor de mercado do veículo em algum momento. 

Isso pode ser problemático em caso de revenda ou se surgir a necessidade de trocar o carro antes do término do contrato. 

Portanto, a escolha do modelo e a negociação de condições são etapas cruciais na contratação desse tipo de empréstimo.

Principais tipos de empréstimos: empréstimo Empresarial

Aqui, para empreendedores e proprietários de pequenas empresas, o empréstimo empresarial é uma ferramenta vital para alavancar negócios. 

Inclusive, este tipo de crédito pode ser usado para diversas finalidades, como capital de giro, expansão, compra de equipamentos ou refinanciamento de dívidas. 

As condições variam amplamente, dependendo do porte da empresa, do tempo de atuação no mercado e do histórico de crédito.

Além disso, os bancos e outras instituições financeiras costumam exigir um plano de negócios detalhado e garantias reais ou pessoais para a concessão do empréstimo. 

Por outro lado, as taxas de juros podem ser mais competitivas do que as de empréstimos pessoais, especialmente se o negócio apresentar um bom potencial de crescimento e retorno.

Leia também: Diagrama de Ishikawa: o que é e como aplicar

Principais tipos de empréstimos: empréstimo estudantil

Investir em educação é um dos passos mais importantes para o desenvolvimento pessoal e profissional.

Nesse sentido, o empréstimo estudantil pode ser a chave para viabilizar este investimento. 

Programas como o FIES no Brasil oferecem condições especiais para estudantes de baixa renda.

Por exemplo, como taxas de juros reduzidas e prazos de pagamento longos, que só começam após a conclusão do curso.

Além dos programas governamentais, muitas instituições financeiras privadas também oferecem crédito estudantil, com condições variadas. 

É importante avaliar as opções disponíveis, considerando não apenas os juros, mas também as condições de pagamento e os benefícios adicionais, como períodos de carência.

Em suma, a escolha por um empréstimo estudantil deve ser bem planejada. 

A expectativa de retorno financeiro após a conclusão dos estudos é um fator crucial na decisão. 

Cursos com maior demanda no mercado de trabalho podem justificar melhor o investimento, garantindo que o endividamento não se torne um fardo insustentável no futuro.

Conclusão

Compreender os principais tipos de empréstimos disponíveis é fundamental para tomar decisões financeiras informadas e seguras. 

Cada modalidade de crédito atende a necessidades específicas e possui vantagens e desvantagens que devem ser cuidadosamente ponderadas. 

Portanto, seja para fins pessoais, aquisição de bens, investimentos empresariais ou educação, o conhecimento das opções e a análise criteriosa das condições são passos indispensáveis.

Inclusive, para evitar surpresas desagradáveis e garantir o sucesso financeiro a longo prazo.

Por fim, avaliar a própria situação financeira, considerar o custo total do crédito e buscar orientação profissional quando necessário são práticas recomendadas para qualquer tomador de empréstimo. 

NuConsigando: descubra como funciona e vantagens!