Publicidade

Cartão consignado Inter – Todas as vantagens

Ao solicitar o Cartão consignado Inter, os aposentados e servidores de órgãos conveniados podem contar com grande facilidade para efetuar as compras e saques, à vista ou parcelados. 

Publicidade

E por ser uma alternativa de consignado, parte do valor é descontado de forma automática do salário ou benefício e você é responsável por autorizar o percentual.

A seguir, iremos falar mais detalhes sobre o cartão:

Benefícios e informações do Cartão consignado Inter

Tendo em vista que o pagamento mínimo será descontado, você pode contar com grande facilidade.

No entanto, como isso funciona?

Publicidade

Conforme a Reserva de Margem Consignável (RMC), que seria a limitação percentual da sua renda que pode ser usada em consignado, o valor será descontado diretamente.

Caso o valor da sua fatura for maior que o RMC, basta pagar pela diferença no final do mês.

Aliás, a empresa não consulta os órgãos de proteção ao crédito como o SPC ou Serasa.

Há a possibilidade de sacar até 90% do seu limite de crédito, sendo que os saques à vista são feitos nos caixas da Rede Banco24Horas.

Publicidade

Mas, esta operação conta com taxas de juros.

Para o uso no exterior do Cartão consignado Inter, basta que você desbloqueie a função com o uso do app.

Por isso, mais informações do cartão podem ser entendidas no site da empresa.

Anuidade e taxas de juros

O cartão não tem cobrança surpresa de taxas, ou seja, a anuidade é gratuita.

Apesar disso, caso você recorra ao crédito rotativo do cartão, as taxas são de 2,96% ao mês.

Aos clientes que habilitarem e usarem o cartão no exterior, também é necessário pagar pelo Imposto Sobre Operações Financeiras (IOF), que é de 6,38% do valor da operação.

Note que este imposto também é válido para a compra em sites estrangeiros e além dele, há outras taxas envolvidas na operação.

Como funciona o limite

O Limite do Cartão consignado Inter está disponível para os saques e compras à vista ou parceladas.

Escritor por Luciana Sampaio

Estudante de engenharia da computação, entusiasta de novas tecnologias e da escrita, encontrou no Jornal útil a oportunidade de escrever sobre temas do seu interesse que englobam o mercado financeiro.