Uma menina recém-nascida foi descoberta enterrada viva no norte da Índia.

0
62

Abhinandan Singh disse a repórteres que o bebê foi encontrado por um morador que estava enterrando sua própria filha, que morreu minutos após o nascimento.

A menina, que havia sido colocada dentro de uma panela de barro a cerca de 90 cm abaixo do solo, foi levada às pressas para o hospital, onde está se recuperando.

A polícia agora iniciou uma investigação sobre o incidente.

“Estamos tentando encontrar os pais do bebê e suspeitamos que isso deve ter acontecido com o consentimento deles”, disse Singh a repórteres no estado de Uttar Pradesh.

Segundo o chefe de polícia, o morador encontrou a garota por acidente enquanto cavava uma cova em um cemitério para sua própria filha.

“Quando eles estavam cavando uma cova para ela, a uma profundidade de três pés, a pá atingiu uma panela de barro, que foi retirada. Havia um bebê deitado nela”, explicou Singh.

“A polícia levou o bebê ao hospital da cidade onde ela está recebendo tratamento”.

A proporção de gênero da Índia é uma das piores do mundo. As mulheres são frequentemente discriminadas socialmente e as meninas são vistas como um fardo financeiro, particularmente entre as comunidades pobres.

Os ativistas dizem que uma preferência tradicional por filhos significou milhões de crianças do sexo feminino perdidas por feticida e infanticídio ao longo dos anos.

Embora a maioria dos fetos indesejados seja abortada com a ajuda de clínicas ilegais de determinação sexual, os casos de bebês mortos após o nascimento também não são incomuns.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here