Quais os tipos de engenharia existem: conheça as bem pagas

Você conhece quais os tipos de engenharia e as que pagam melhor?

Anúncios

Em primeiro lugar, para quem está interessado em seguir carreira nessa área é importante conhecer suas características.

Neste artigo você vai ter as informações necessárias para te ajudar a escolher a que mais se encaixa nos seus planos de carreira!

O que é engenharia?

Engenharia é o ramo do conhecimento e da prática que se dedica à aplicação de princípios científicos e matemáticos para desenvolver soluções técnicas para problemas diversos. 

Em termos gerais, a engenharia envolve o projeto, a construção e a manutenção de estruturas, máquinas, sistemas e processos que melhoram a qualidade de vida das pessoas e impulsionam o progresso tecnológico e industrial.

Anúncios

Nesse sentido, os engenheiros utilizam seus conhecimentos em ciências exatas, como física, matemática e química.

Para projetar e criar desde pequenos dispositivos eletrônicos até grandes infraestruturas, como pontes, usinas elétricas, veículos, edifícios e sistemas de comunicação. 

Em suma, a profissão exige habilidades analíticas, criatividade, raciocínio lógico e capacidade de resolver problemas complexos de forma eficiente e inovadora.

Leia também: Recolocação profissional: o que fazer antes de procurar um novo emprego?

Quais os tipos de engenharia que existem?

O mundo da engenharia é um universo vasto e empolgante, repleto de oportunidades para aqueles que buscam construir o futuro. 

Dessa forma, com mais de 40 ramificações, cada uma com suas particularidades e desafios, a engenharia oferece um leque de opções para profissionais que desejam transformar ideias em realidades tangíveis.

Aqui, para te ajudar a navegar nesse mar de possibilidades, veja os principais tipos de engenharia:

1. Engenharia Civil

A engenharia civil é a base fundamental para a construção e o desenvolvimento da sociedade moderna. 

Nesse sentido, é ela quem dá vida a projetos como casas, edifícios, pontes, estradas, barragens e sistemas de saneamento básico.

Por exemplo, o engenheiro civil é o maestro dessa sinfonia de concreto e aço, responsável desde o planejamento e o projeto até a execução e a manutenção das obras. 

Sua especialização garante a segurança, a funcionalidade e a sustentabilidade das construções, impactando diretamente na qualidade de vida das pessoas.

2. Tipos de engenharia: Engenharia Mecânica: 

tipos de engeharia
Imagem: Canva

Aqui, se você se fascina por máquinas, motores e sistemas complexos, a engenharia mecânica é a sua praia! 

Desse modo, essa área é responsável pelo projeto, desenvolvimento, produção e manutenção de uma ampla gama de equipamentos.

Por exemplo, desde carros e aviões até eletrodomésticos e próteses médicas.

Em suma, o engenheiro mecânico é o mago por trás da criação e otimização de máquinas que impulsionam o progresso industrial. 

Por fim, sua atuação garante a eficiência, a confiabilidade e a durabilidade dos produtos, contribuindo para o avanço tecnológico e a competitividade das empresas.

++ Trabalho híbrido: o que é e quais são as vantagens?

3. Engenharia Elétrica

Entre os tipos de engenharia, a engenharia elétrica é a chave para um mundo conectado e iluminado. 

Por exemplo, é essa área que garante o fornecimento de energia elétrica, o funcionamento de sistemas de comunicação e o desenvolvimento de tecnologias inovadoras como smartphones, computadores e veículos elétricos.

Além disso, o engenheiro elétrico é o maestro da orquestra da energia, responsável pelo projeto, instalação, operação e manutenção de sistemas elétricos. 

Sua especialização garante a segurança, a confiabilidade e a eficiência da distribuição de energia, impulsionando o desenvolvimento social e econômico.

4. Tipos de e engenharia: Engenharia de Produção

tipos engenharia

A princípio, se você busca um campo de atuação dinâmico e desafiador, a engenharia de produção é a escolha ideal.

Inclusive, esta área se concentra na otimização de processos produtivos, buscando aumentar a eficiência, a qualidade e a produtividade das empresas.

Em suma, o engenheiro de produção é o condutor industrial, responsável por analisar, planejar e implementar melhorias nos processos produtivos. 

Por fim, sua competência garante a competitividade das empresas no mercado. Otimizando recursos e reduzindo custos, resultando em produtos e serviços de melhor qualidade para o consumidor final.

5. Engenharia de Software

Entre os tipos de engenharia, no mundo digital de hoje, a engenharia de software reina suprema. 

Nesse sentido, é essa área que cria, desenvolve e mantém softwares que alimentam desde smartphones e computadores até sistemas bancários e plataformas de e-commerce.

Em suma, o engenheiro de software é o mestre por trás da criação de soluções tecnológicas inovadoras, utilizando linguagens de programação e ferramentas avançadas. 

Por fim, suas habilidades garante a funcionalidade, a segurança e a escalabilidade dos softwares, impulsionando a transformação digital e a competitividade das empresas.

Quais os tipos de engenharia mais bem pagas?

Os tipos de engenharia mais bem pagas geralmente variam de acordo com diferentes fontes e regiões, mas alguns campos consistentemente se destacam em termos de remuneração.

Além disso, os salários podem variar conforme a experiência, localização, empresa e nicho de atuação.

Por isso, é importante pesquisar bastante e se especializar em uma área que te interesse para alcançar o topo da carreira.

Por exemplo, veja alguns tipos de engenharia que pagam bem:

  • Engenharia de Petróleo: salário médio: R$ 15.982,00 por mês;
  • Engenharia de Desenvolvimento de Produtos: salário médio: R$ 10.258,00 mensais;
  • Aeronáutica: R$ 10.202,00 por mês;
  • Engenharia de Manutenção salário médio: R$ 10.191,00 por mês;
  • Engenharia Elétrica: R$ 9.134,00 por mês;
  • Software: R$ 9.000,00 por mês;
  • Engenharia Mecânica: R$ 8.869,00 por mês;
  • Engenharia Química: R$ 8.541,00 por mês;
  • Civil: R$ 8.443,84 por mês.

Conclusão

Você viu aqui os tipos de engenharia, mas, escolher uma carreira na engenharia vai além da remuneração. 

Nesse sentido, é fundamental considerar seus interesses, habilidades e aptidões para encontrar uma área que te motive e te realize profissionalmente. 

Por isso, explore as diferentes opções, pesquise sobre o mercado de trabalho e busque orientação de profissionais experientes para tomar a melhor decisão para o seu futuro.

Veja também: UOL para Meu Negócio – Conheça a empresa