Anúncios

Carteiras digitais – Tudo que você precisa saber 

Com o advento da tecnologia, o mundo financeiro ganhou diferentes funcionalidades, incluindo os novos métodos de pagamento como as carteiras digitais.

Anúncios

Assim, as e-wallets seriam definidas como:

Anúncios

Apps que possibilitam grande facilidade no processo de compra e venda, segurança e rapidez, tendo em vista que você não precisa do dinheiro em papel e não é necessário digitar nenhuma senha.

A seguir, você poderá entender todas as informações necessárias sobre o tema.

O que são carteiras digitais

Em primeiro lugar, saiba que uma carteira digital basicamente é um app em que você pode adicionar o saldo e efetuar o pagamento das suas compras dentro ou fora da internet.

Portanto, para efetuar o pagamento, você usa o seu próprio celular, um smartwatch ou outro tipo de dispositivo.

Anúncios

E para que você venha colocar dinheiro na sua carteira, é necessário pagar boleto ou fazer um depósito.

Aliás, há a possibilidade de você cadastrar os seus cartões.

Mas, será que de fato esta é uma alternativa segura?

Geralmente as carteiras digitais usam dois tipos de tecnologia: NFC (near field communication) e a criptografia.

Com o NFC, um chip que está em grande parte dos celulares atuais, conecta-se com a maquininha usando radiofrequência para efetuar o pagamento.

Anúncios

Já com a criptografia, identidades digitais com dados financeiros são criadas, sem que você perca a segurança.

Apesar disso, há diversas opções de e-wallets e você deve conhecê-las para entender a que melhor atende com as suas necessidades:

Carteiras digitais Apple Pay

Inicialmente, saiba que esta carteira digital já vem no seu celular, caso você seja um usuário IOS.

Portanto, há uma integração com todos os dispositivos da marca (iPhone, Apple Watch, Mac e iPad).

Com esta e-wallet você não precisa andar com cartões físicos ou dinheiro, além de contar com toda a facilidade para fazer compras online no Safari.

Por fim, a configuração ocorre em apenas alguns segundos, basta que você adicione o seu cartão de débito, crédito ou vale-alimentação ao app Wallet.

Google Pay

Outro exemplo de carteiras digitais é a opção da empresa Google que garante a proteção das suas informações de pagamentos, além da sua conta.

As compras são pagas de forma simples com o uso do celular, sem que os dados do seu cartão sejam compartilhados com a loja.

E no momento em que for finalizar a compra em sites ou apps, saiba que você terá grande facilidade.

É uma opção exclusiva para o sistema operacional Android e conta com a integração com o Paypal.

Carteiras digitais – Samsung Pay

Esta carteira digital está disponível em uma grande quantidade de estabelecimentos e parceiros, porém é compatível somente com alguns smartphones, sendo que os mais recentes já contam com o app.

Ao clicar aqui, você pode entender quais são os smartphones compatíveis.

Como diferencial, os clientes da marca podem contar com o Samsung Pay Rewards.

Isto é, você ganha pontos a cada compra que faz e pode trocá-los por descontos, prêmios ou produtos Samsung.

PicPay

Esta é uma das carteiras digitais mais famosas do nosso país, contando com mais de 36 milhões de usuários e sendo aceita em 3 milhões de estabelecimentos.

Uma vantagem interessante é que o dinheiro depositado rende até 210% do CDI.

Além disso, esta foi a primeira e-wallet a usar o QR code para pagamentos.

Inclusive, não cobra nenhum tipo de taxa para o uso do cartão.

Dentre as funcionalidades, saiba que é possível recarregar o celular, pagar compras em lojas físicas e virtuais, pagar boletos e fazer transferências.

Por fim, você pode até contar com o valor de volta das suas compras, algo que é esclarecido aqui.

PayPal

Este também é um sistema de pagamento digital muito famoso em nosso país por ser aceito em milhões de lojas e disponibilizar vários tipos de vantagens aos clientes.

A primeira é a possibilidade de adicionar tanto os cartões de crédito, como os de débito, permitindo que você compre por mais que não tenha limite.

Aliás, o consumidor que devolve um produto obtido por meio do PayPal, tem o direito ao reembolso dos custos do frete de devolução.

Inclusive, a empresa conta com um monitoramento contra fraudes que funciona 24 horas por dia.

PagBank

PagBank também está entre as melhores carteiras digitais, tendo em vista que o banco é totalmente gratuito.

Ou seja, com o uso do app, além da e-wallet, você pode efetuar pagamentos via QR Code, cartões de crédito e as transações via Pix, sem pagar nada.

Além destes, há benefícios adicionais como o de “PagBank Saúde” voltado para o cuidado e bem-estar da sua família, bem como o PagBank e Fundos de Investimento, e o sistema de cashback.

É interessante visitar o site para mais detalhes.

Carteiras digitais – Mercado Pago

Recarregar o seu celular ou vale-transporte, pagar boletos e comprar em estabelecimentos físicos ou virtuais, são algumas das funcionalidades desta e-wallet.

O Mercado Pago tem serviços aceitos para a venda como, por exemplo, Uber, Spotify, Blizzard, Google play, dentre outros.

E caso você seja um vendedor, saiba que poderá contar com uma maquininha própria de pagamento que não tem aluguel ou taxa de adesão.

Portanto, o valor dos seus ganhos é transferido através da conta digital.

Iti

Por outro lado, vale destacar a plataforma de pagamentos do banco Itaú que foi lançada no mês de julho de 2019.

E apesar de ser uma plataforma atual, conta com diversas funções como o pagamento instantâneo.

Nesse sentido, é uma excelente ferramenta tanto para o consumidor, quanto para o lojista realizarem pagamentos por QR Code sem a necessidade de cartão físico.

Um grande benefício é que esta plataforma não é exclusiva para os clientes do banco.

BanQi

Dentre as carteiras digitais, também podemos destacar o sistema que foi feito pela Via Varejo.

De modo geral, você terá acesso gratuito aos serviços, por isso, grande parte dos recursos se assemelha com os das demais e-wallets.

Assim, um diferencial é a possibilidade de criar uma conta corrente para fazer os pagamentos de boletos e contas, recargas de celular e transferências, além de pix e QR code.

Mais informações são conferidas no site da empresa.

Ame Digital

Esta é uma ferramenta do grupo B2W que tem por diferencial o seu sistema de cashback na compra em sites de parceiros como a Americanas.

Também é uma alternativa de carteira digital gratuita e conta com as seguintes funcionalidades:

Recargas de celular, pagamento de boleto, seguros para casa, celular e pet, bem como os empréstimos e plano dental.

A última vantagem que deve ser evidenciada é o cartão de crédito que conta com o parcelamento de até 24 vezes nas Lojas Americanas.

Carteiras digitais – RecargaPay

Por meio deste aplicativo, você pode pagar e cobrar qualquer tipo de valor com dinheiro, cartão ou pix.

Dentre os benefícios, podemos citar o cashback de até 10% em recargas de celular, 1% no cartão pré-pago, 5% no cartão de transporte, 12% na Tele Sena, 8% no gás e 4% na TV pré-paga.

Por fim, há empréstimo para clientes da marca, possibilidade de parcelar em até 12 vezes com cartão de crédito, maquininha grátis para empreendedores e até 13% de desconto em vale-presente.

99Pay

Esta carteira está vinculada ao app 99 de transporte urbano, sendo uma solução interessante porque tem os seguintes serviços:

Pagar as suas corridas, receber de amigos, pagar os boletos de consumo e fazer recargas de celular.

Aliás, o saldo que fica parado no app rende rende 220% do CDI e caso você tenha o app de transporte, não precisa baixar mais nada em seu celular.

No entanto, é importante consultar a disponibilidade em sua região, tendo em vista que esta carteira não está disponível em todas as cidades.

Bitz

Por fim, dentre as carteiras digitais, podemos falar sobre a Bitz que está vinculada ao Bradesco.

A primeira vantagem é que apesar de estar vinculada ao banco, não é necessário ter uma conta.

Além disso, você conta com o rendimento 100% do CDI e pode fazer saques sem o uso do seu cartão no Banco 24h.

Escritor por Luciana Sampaio

Estudante de engenharia da computação, entusiasta de novas tecnologias e da escrita, encontrou no Jornal útil a oportunidade de escrever sobre temas do seu interesse que englobam o mercado financeiro.